TikTok está realizando testes com vídeos de até 3 minutos

O TikTok fez seu nome e cresceu em popularidade muito rapidamente ao se concentrar em vídeos de formato muito curto. Agora parece que esses vídeos estão prestes a triplicar de duração.

Como relata o The Verge, a rede social de compartilhamento de vídeo está experimentando vídeos que podem durar até três minutos. Atualmente, os vídeos na plataforma variam em duração de três a 60 segundos.

Isso significa que essa possibilidade de vídeos com até três minutos de duração representa um salto considerável para a plataforma. A confirmação da extensão vem por meio do consultor de mídia social Matt Navarra, que tuitou a foto de uma notificação do TikTok.

O fato de esses vídeos mais longos serem acessíveis apenas por meio de acesso antecipado sugere que é apenas um experimento e o TikTok pode mudar de ideia ou ajustar a duração com base no feedback e no conteúdo produzido.

Três minutos não é muito tempo em comparação com outros vídeos como o YouTube, mas tem o potencial de quebrar o que torna o TikTok tão popular: o quão instantâneo e condensado é o conteúdo. No entanto, dobrar a duração dos tweets não tornou o Twitter menos popular, não é?

Enquanto isso, o TikTok continua enfrentando uma nova competição, sendo o Snapchat o último a enfrentá-lo com o Spotlight. O futuro também não está claro se a rede social continuará disponível como um serviço nos EUA.

Pelas últimas informações divulgadas, empresa ByteDance teve mais uma semana para encontrar um comprador no país. Isso significa que a companhia com pouco tempo para aparar todas as arestas para seguir funcionando em um dos seus principais mercados no planeta.

Sucesso do TikTok em 2020

Vale salientar que o TikTok foi uma das empresas que explodiu ao redor do mundo em função da necessidade das pessoas passarem mais tempo dentro de casa. Sem muita opção de entretenimento, pessoas de todas as faixas etárias fizeram o download do aplicativo e passaram a compartilhar vídeos curtos de suas experiências.

TikTok está realizando testes com vídeos de até 3 minutos

Por isso, a plataforma se transformou em um sucesso estrondoso neste ano, ampliando a tendência de crescendo desde 2019. Agora, o dilema do TikTok é resolver a sua situação nos Estados Unidos, lembrando que a ByteDance sempre reforçou que jamais repassou os dados de seus usuários para o governo chinês como sugeriu o atual presidente Donald Trump.

O que você achou deste artigo?