Google lança concorrência ao TikTok com “Shorts” no Youtube

O YouTube, do Google, está lançando um concorrente ao TikTok que chama de YouTube Shorts.

O aplicativo será lançado na Índia antes de chegar a outros países e permitirá aos usuários criar e publicar vídeos de 15 segundos, usando ferramentas já disponíveis no TikTok.

Encadeie vários videoclipes, coloque-os em música de uma biblioteca de canções populares e controle a velocidade da filmagem.

No entanto, o YouTube Shorts não será um produto independente. Em vez disso, ele será criado dentro do aplicativo YouTube para celular existente.

Google lança nova ferramenta na Índia

O Google também está indicando que vai mudar a página inicial do YouTube com uma nova seção dedicada aos clipes curtos, tornando-os fáceis de encontrar.

Mas por que lançá-lo primeiro na Índia? Em junho, o país proibiu o TikTok por temer que o aplicativo de compartilhamento de vídeos de propriedade chinesa represente uma ameaça potencial de espionagem.

Portanto, o YouTube Shorts chegará à Índia quando muitos usuários locais estiverem procurando uma alternativa.

Embora a TikTok negue que represente uma ameaça à segurança, o aplicativo enfrenta as mesmas acusações de espionagem nos EUA.

A administração Trump vem ameaçando para proibi-lo, mas ontem TikTok supostamente fechou um acordo com a Oracle para executar conjuntamente o aplicativo de compartilhamento de vídeo. Se o acordo vai apaziguar a Casa Branca ainda não está claro neste momento.

Chegada do “Shorts” no Youtube

Quanto ao YouTube, a plataforma está lançando primeiro o YouTube Shorts para usuários do Android na Índia, antes de expandi-lo para iOS.

Google lança concorrência ao TikTok com “Shorts” no Youtube
Foto: Visual Hunt

Os usuários no país podem começar a criar os vídeos por meio de um novo ícone “+” na parte inferior do aplicativo, que permite fazer upload de um clipe normal ou um curta do YouTube.

“Continuaremos adicionando mais recursos e expandindo para mais países nos próximos meses, conforme aprendemos com você e ouvimos seus comentários”, escreveu o YouTube no anúncio de hoje.

O Facebook também criou um rival para TikTok com Instagram Reels. Ele também está dentro do Instagram, o que alguns jornalistas de tecnologia acharam confuso.

O que você achou deste artigo?