5 erros comuns de quem vende pela internet: entenda!

Nos dias de hoje, cerca de 95% dos consumidores que adquirem produtos online usam um marketplace, de acordo com informações da Ebit. Sendo assim, uma lista elaborada pela Olist pontuou os erros comuns de quem vende pela internet. A Olist é uma empresa que auxilia varejistas e grandes lojas a ampliarem as suas vendas na rede.

Vale salientar que o distanciamento social e o fechamento de serviços não essenciais também tende a ampliar consideravelmente a venda de produtos variados pela internet em todo o território nacional. Por isso, o comerciante precisa estar preparado para lidar com essa demanda e não cometer erros comuns de quem vende pela internet.

Lista de erros comuns de quem vende pela internet

1 – Cadastro errado das mercadorias

Dados insuficientes, imprecisos ou errados em anúncios de produtos resultam em um baixíssimo índice de conversão para os empresários, além de poder render problemas na justiça se o cliente se sentir ludibriado.

Portanto, é de vital importância conceder toda a atenção e recorrer a sua criatividade no momento de realizar os cadastros, adicionando unicamente dados detalhados e corretos.

2 – Valores pouco competitivos

O valor é um dos principais elementos para a tomada de decisão de um consumidor quando se trata da realização de uma compra, especialmente, online. A oportunidade de comparar preços é imediata e, raramente, um comerciante alcançará um rendimento satisfatório se cobrar muito mais do que os seus respectivos concorrentes.

3 – Má reputação

Uma das principais formas de publicidade sempre foi o “boca a boca”, ou seja, quando os consumidores acabam por indicar lojas e estabelecimentos devido a uma boa impressão. Todavia, a situação contraria também pode ser devastadora para os negócios, mesmo no ambiente virtual.

A reputação abalada pode ser prejudicial para qualquer negócio, especialmente, nos marketplaces. Além de gerar desconfiança nos clientes, isso faz com que a loja seja avaliada negativamente nas redes sociais, não consiga destaque nos mecanismos de busca e tenha pouquíssima visibilidade virtualmente.

vendas online
Foto: Visual Hunt

4 – Opções limitadas

Outro dos erros comuns de quem vende pela internet é a limitação das opções. Isso porque muitos empreendedores não fazem o cadastro de todo o seu catalogo com fotos variados e descrição completa, restringindo também a sua quantidade de vendas. Afinal, quanto mais mercadorias disponibilizadas, mais fontes de faturamento o negócio tende a apresentar.

5 – Único canal de vendas

O fato é que essa pode ser uma estratégia extremamente complicada, porque problemas na plataforma podem atingir de forma direta nas vendas do estabelecimento. Essa dependência também limita a pessoa a trabalhar com um público limitado.

É essencial e estratégico atingir a maior quantidade de pessoas possível, fazendo com que a marca se torne ainda mais conhecida tanto presencial quanto virtualmente.

O que você achou deste artigo?